Tag

#Receita

Receita da semanaTemperos

Receita de Sobremesa: Anita & Garibaldi

Postado porTemperos de Cinema 3 de junho de 2018 0 Comentários

Combinar com perfeição sabores inicialmente incompatíveis, bem como transformar receitas tradicionais em algo totalmente inusitado, estes são dois diferenciais dos grandes chefs.  Com apenas dois ou três ingredientes, um verdadeiro chef consegue criar algo completamente novo e arrebatador. Raimundo Nonato, o cativante personagem do filme “Estômago” possui esse talento.

Fechando o nosso cardápio inspirado no filme “Estômago”, temos a sobremesa Anita & Garibaldi, uma surpreendente releitura do clássico goiabada com queijo, também chamado de Romeu & Julieta.
Super fácil de preparar, essa é a receita que a chef Sandra Romansini nos ensina esta semana. Veja o passo a passo no vídeo e pegue a receita completa aqui:

Receita de Anita & Garibaldi:

Ingredientes:
– Goiabada amassada para a calda
– Água fervendo
– Fatias com meio cm de espessura de queijo gorgonzola.
– Quinelles de goiabada cascão
– Mel com favo.

Modo de preparar:
Faça uma calda amassando um pouco de goiabada com 1 colher de água fervendo, até formar uma pasta de goiabada.
Coloque um pouco dessa pasta em uma panela com um pouco de água fervendo para cozinhar, mexendo até dissolver a goiabada e formar uma calda.
Com o restante da pasta, faça quinelles de goiabada.
Quinelle é uma técnica usada por muitos chefs para servir purês, sorvetes e sorbets. Para fazer o quinelle você usa duas colheres de sopa e vai trabalhando a pasta até obter elegantes bolinos no formato de quibe.

Montagem:
“Suje” o fundo dos pratos de sobremesa com a calda e coloque uma fatia de queijo gorgonzola e 1 quinelle de goiabada, sobrepostos.
Decore com um pedaço de favo de mel e regue com uma colher de mel.

Receita da semanaTemperos

Penne à Puttanesca

Postado porTemperos de Cinema 18 de maio de 2018 0 Comentários

A terceira receita do nosso jantar inspirado no filme “Estômago” é o Penne à Puttanesca. Quem já viu o filme com certeza lembrará que esse prato é citado em vários momentos e uma piadinha encima do nome do prato surge de forma inevitável.


A origem deste prato (originalmente feito com espaguetti) e consequentemente de seu nome, é objeto de estudo de vários especialistas em história da gastronomia. Algumas versões são bem pitorescas mas a mais provável é que o prato, ateriormente chamado de alla marinara, após a Segunda Guerra teria sido “rebatizado” pelo pintor Eduardo Colucci, que passava o verão em Punta Mulino, na ilha de Ischia.


Super prático, rápido e muito saboroso, este é o prato que a chef Sandra Romansini nos ensina a preparar neste Temperos de Cinema.

Receita Penne a Puttanesca

Ingredientes:
500g de Penne Rigate cozido ao dente
200 g de bacon picado
200 g de calabresa picada
200 de azeitonas pretas picadas
3 (sopa) de manjericão picado
4 (sopa) de salsinha picada
3 (sopa) de alcaparras
100 ml de azeite
5 filés de anchova em conserva lavados e picados
Sal e pimenta preta moída na hora a gosto
300 ml de molho de tomate
1 kg de tomates italianos picados
50 g dente de alho picado
1 lata de atum em lascas
1 cebola picada

Modo de preparo
Levar o azeite ao fogo, dourar o bacon e a linguiça, junte a cebola, o alho picado e deixar dourar.
Adicionar o purê de tomate, temperar com sal, pimenta moída, tampar e deixar cozinhar, Acrescente a anchova e amasse bem.
Juntar as azeitonas, alcaparras, atum e mexer por uns 3 minutos
Quando o molho estiver encorpado, juntar a salsinha e manjericão e servir.

Receita da semanaTemperos

Tartin de Ameixa ao Molho de Cassis com Gelato e Chantilly

Postado porTemperos de Cinema 30 de março de 2018 0 Comentários

Agora nosso jantar do Oscar está completo. Depois de 4 receitas incríveis, a sobremesa tinha que estar à altura.
Escolhemos então a receita de um Tartin de Ameixa ao Molho de Cassis com Gelato e Chantilly. Se só o nome já dá água na boca, imagine a sobremesa pronta.
Essa receita foi inspirada no filme “Um Bom Ano”, de Ridley Scott, estrelado por Russell Crowe, Albert Finney e Marion Cotillard. Este filme de 2006 é tão saboroso quanto essa sobremesa.
Pegue a receita logo abaixo e assista o passo a passo do preparo com a chef Sandra Romansini.

Receita de Tartin de Ameixa ao Molho de Cassis com Gelato e Chantilly

Ingredientes:
Ameixa cortadas em pétalas
Açúcar mascavo
Açúcar orgânico
1 cálice de licor de cassis
Nozes ou amêndoas picadas
100 grs de Trigo
Manteiga

Preparo:
Ameixa
Coloca as pétalas de ameixa pra marinar com 1 cálice de licor
Colocar um pouco do açúcar orgânico misturado com o açúcar mascavo
Deixar marinando a ameixa no licor por mais ou menos 1 hora e meia

Massa:
Misture a nozes picadas com um pouco de açúcar, trigo e manteiga, até formar uma farofa
Coloca a ameixa , já marinada, no fundo de uma vasilha, cobre com a farofa, e coloca no forno por mais ou menos 25 minutos, ou até a farofa ficar dourada.

Montagem:
Coloca uma bola de sorvete de creme, e cobre com chantilly, e pode decorar com frutas vermelhas.

jantar-oscar-prato-ravioli
Receita da semanaTemperos

Ravioli de Cacau

Postado porTemperos de Cinema 16 de março de 2018 0 Comentários

A terceira receita do nosso Jantar do Oscar é um surpreendente Ravioli de Cacau com recheio de queijo brie. Sim, é isso mesmo que você leu: cacau!
Essa fruta famosa por se transformar no chocolate (que todo mundo ama) é muito mais versátil do que você imagina. O cacau pode ser o elemento surpresa de vários pratos e até mesmo de uma tradicionalíssima massa italiana.

Esta receita foi inspirada no filme “Chocolate”, de Lasse Hallström (2.000), que teve 5 indicações ao Oscar. Um filme tão delicioso e surpreendente como este prato que a chef Sandra Romansini nos ensina a preparar.
E já que o assunto é surpreender, que tal surpreender sua família no almoço de Páscoa com este Ravioli de Cacau?

Receita do Ravioli de Cacau Recheado com Queijo Brie

Ingredientes para a massa:
400 gr farinha de trigo
40 gr cacau em pó
15 ml azeite
1 pitada de sal
4 ovos grandes

Modo de fazer a massa:
Misturar os ingredientes e sovar até ficar elástica, envolver em papel filme e deixar descansar na geladeira por meia hora
Abrir no cilindro até ficar bem fino (7-8 do cilindro)

Indredientes para o recheio:
200 gr de queijo brie ralado grosseiramente
[12:59, 14/3/2018] Fatima: Molho Alfredo
100 gr manteiga
500 ml creme leite fresco
300 gr queijo parmesão ou grana padano ralado
2 dentes de alho
Pimenta do reino branco a gosto sal a gosto
Noz moscada

Modo de fazer o recheio:
Derreta manteiga em fogo baixo, acrescente o creme leite, o alho descascado e amassado, esperar esquentar e acrescentar o queijo rapidamente e mexer com fouet, acrescente sal pimenta e noz moscada ralada a gosto e deixar no fogo até atingir consistência desejada

Receita da semanaTemperos

Medalhão e Woody Allen – Duas iguarias sempre Bem Vindas

Postado porTemperos de Cinema 8 de dezembro de 2017 0 Comentários

Continuando a série do Thanksgiving no cinema, não poderia deixar de lembrar do filme Hannah e suas irmãs de Woody Allen.
Na minha opinião esse filme está entre os melhores do diretor, se bem que eu sou suspeita para falar de Woody Allen, pois gosto de quase tudo que ele faz em cinema.

FIdMIhffXY01gi_1_a
Nesse filme que começa num feriado de Ação de Graças, ele mostra que mesmo com muitos conflitos que possa existir , o amor entre as famílias acaba quase sempre sendo muito forte, e também mostra que família as vezes é aquela que a gente escolhe.

hannahsister
E assim como gosto de quase tudo que Woody Allen faz no cinema, gosto também de quase tudo que a Sandra faz na cozinha, e essa receita de Medalhão , inova o jantar de Ação de Graças de uma forma que só ela sabe fazer, e dá uma ajuda se você tem algum amigo que não gosta de carne branca, esse prato fica perfeito.
Assim como já falamos que a dupla Thankisgiving e peru é perfeita, para mim Woody Allem e um bom medalhão são irrecusáveis.
Fica a dica, escolha um filme de Woddy Allen, escolha um bom vinho e faça a receita desse medalhão. Pode até não ser Thanksgiving, mas mas você vai me agradecer a dica.

Receita de Medalhões de Filet envolto em Bacon

INGREDIENTES:
8 medalhões de filé mignon
8 fatias de bacon
2 dentes de alho triturados
Pimenta do Reino a gosto
Sal a gosto
Azeite
Molho:
½ xícara (chá) de vinho tinto
1 colhe (sopa) de manteiga
1 colher (sopa) de mostarda
1 colher (sopa) de mel
1 pitada de canela
Pimenta do reino e sal a gosto

MODO DE PREPARO:
1- Tempere os medalhões com pimenta do reino e alho dos dois lados.
2- Pegue cada medalhão e com a ajuda de um barbante você enrola cada fatia de bacon em volta (na lateral) de cada medalhão.
3- Regue com azeite dos dois lados.
4- Em uma frigideira bem quente untada com azeite, sele os medalhões de um lado, salpique sal, deixe até dourar, vire do outro lado e salpique sal, e deixe até dourar. (aproximadamente 2 – 3 minutos de cada lado)
5- Em um refratário untado disponha os medalhões lado a lado e leve ao forno pré- aquecido a 200°. Deixe no forno pro aproximadamente 10 – 15 minutos.
6- Após retire do forno e deixe embrulhado em papel alumínio até o momento de servir.
7- Para o molho: Utilize a mesma frigideira que selamos os medalhões (ficou o sabor e algum fundinho de carne), e se tiver algum caldinho na travessa do forno acrescente também a frigideira. Coloque em fogo médio e acrescente o vinho, misture até incorporar, acrescente os demais ingredientes e deixe o molho reduzindo em fogo baixo. Regue os medalhões com esse molho no momento de servir.

Receita da semanaTemperos

Thanksgiving no Cinema

Postado porTemperos de Cinema 24 de novembro de 2017 0 Comentários


O cinema americano sempre foi o que hoje chamamos de influenciador, ou seja aquele agente que influencia costumes numa sociedade.
É por isso que o Feriado de Ação de Graças, embora seja exclusivo dos americanos, é conhecido no mundo inteiro priciplamente pela inseparável dupla Thanksgiving e Peru.
Nesse feriado que acontece em novembro nos EUA, a tradição é reunir a família. Nós do Temperos de Cinema acreditamos que família, muitas vezes, é o grupo que nós escolhemos, então tomamos o Dia de Ação de Graças como inspiração para os quatros últimos programas da temporada de 2017, comemorando junto com nossos amigos e seguidores.
Fizemos uma coletânea de quatro filmes, em que o roteiro passa pelo feriado de Ação de Graças, e escolhemos quatro receitas que formam um jantar completo.

home_for_the_holidays_movie
Neste primeiro programa, vamos relembrar o filme Feriados em Familia, de 1995, dirigido pela atriz e diretora Jodie Foster, com um elenco de estrelas como Holly Hunter, Robert Downey Jr., Anne Bancroft e Geraldine Chaplin.
O filme tem como tema central o tradicional jantar de Thanksgiving em família e todas aquelas peculiaridades que acontecem nesses encontros. Quem nunca passou por isso?
O nosso prato da semana inspirado em “Feriados em Família” é justamente um prato servido de entrada nesse jantar: um Coleslaw americano, uma espécie de salada muito conhecida.

Receita de Coleslaw
Ingredientes:
1/2 xícara de maionese
1/3 xícara de açúcar
1/4 xícara de leite
2 1/2 colheres de sopa de sumo do limão
1 1/2 colher de sopa de vinagre branco
1/2 colher de chá de sal
1/8 colher de chá de pimenta do reino
4 xícaras de repolho picado
4 xícaras de repolho roxo picado
1/4 xícara de cenoura ralada (1 média aproximadamente)
2 colheres de sopa de cebola bem picada

Preparo:
· É importante cortar o repolho em tiras bem finas, ralar a cenoura inclinada para dar pedacinhos maiores, e fatiar a cebola também fina, cortada ao meio, e separando os anéis uns dos outros antes de misturar
· Jogue tudo numa tigela, acrescente o suco de limão, o creme de leite a maionese, as passas e misture bem… com as mãos! A maionese deve envolver os ingredientes, mas não fazer deles uma pasta. Adicione as folhinhas de menta, que vão dar aquele arzinho frio na boca, e um pouquinho de sal.

Promoção-precinho-Star-wars728x90

Receita da semanaTemperos

Prato da Semana: Espaguete à Carbonara

Postado porTemperos de Cinema 11 de agosto de 2017 0 Comentários

Ettore Scola (1931 – 2016) foi um dos últimos grandes diretores italianos. Conhecido como “o cineasta do tempo”, seus filmes sintetizam décadas da história italiana em ambientes fechados (um salão de danças, um apartamento, um cinema). Em “O Jantar”, filme de 1998. a história se passa quase toda em um restaurante onde cada mesa é um universo dramático.

Jantar4
Sempre muito político e crítico de nosso tempo, Scola se mostra profético em “O Jantar” quando mostra uma mesa de turistas japoneses, que fotografam a tudo mas não se interessam pelas tradições, como quando pedem catchup no molho do espaguete.
Essa cena inspirou o prato da semana: Um delicioso espaguete à carbonara. Mas sem catchup.
Receita de Espaguete a Carbonata
Ingredientes:
360 g de espaguete
300 g de bacon picado
2 ovos inteiros
1 gema
80 g de queijo parmesão ou pecorino ralado
Azeite de oliva
Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo:
Leve para ferver cerca de 4 litros de água e adicione 2 colheres (sobremesa) rasas de sal quando começar a ferver.
Junte o espaguete. Não quebre! Se não couber na panela, deixe parte do macarrão ficar para fora e encostar na borda da panela. Assim que a parte imersa for amolecendo, o macarrão vai descendo. Você pode ajudar a afundá-lo pressionando delicadamente com um garfo, colher ou com as mãos.
Enquanto isso, frite o bacon numa frigideira antiaderente por alguns minutos.
Quando o macarrão estiver al dente, retire do fogo e escorra. Em seguida, junte com o bacon na panela e continue fritando, colocando um fio de azeite.
Bata os ovos com a gema, sal e o queijo ralado num refratário. Junte o macarrão com o bacon, misture rapidamente e sirva com pimenta a gosto.

Dica
Nunca jogue os ovos direto na panela quente do macarrão, pois eles irão cozinhar demais e virar ovos mexidos. Fazendo do jeito explicado acima, os ovos cozinham o suficiente só com o calor do macarrão

Temperos

Temperos 5 Anos, Torta de Chocolate com Morangos

Postado porTemperos de Cinema 2 de agosto de 2017 0 Comentários

Poderia uma Torta de Chocolate resolver todos os problemas do mundo?
A personagem central do filme “Garçonete” (Waitress), de 2006, escrito e dirigido por Adrienne Shelly, acredita que sim. Tanto que ela batizou sua torta com o nome “Torta de Chocolate Que Pode Resolver Todos Os Problemas Do Mundo”.
“Garçonete” é um drama romântico com muitos momentos engraçados e que conta a história de uma mulher jovem e talentosa, sufocada por um casamento infeliz e se subtendo a um chefe grosseiro na lanchonete onde trabalha.
Cozinheira de mão cheia, ela cria tortas maravilhosas que batiza com nomes que dizem muito sobre ela mesma. A chef Sandra Romansini inspirou-se neste filme para nos ensinar a receita de uma torta de chocolate com morangos que, se não resolver todos os problemas do mundo, no mínimo nos fará mais doces e felizes.

18759754.jpg-r_640_600-b_1_D6D6D6-f_jpg-q_x-xxyxx

Esta receita foi um dos grandes sucessos do Programa Temperos de Cinema e por isso estamos republicando aqui nas nossas comemorações.

Receita da Torta de Chocolate com Morangos
Ingredientes para a base:
300g de biscoito oreon ou negresco
100g de manteiga sem sal em temperatura ambiente.

Ingredientes para o recheio:
200g de creme de leite
500g de chocolate amargo ou meio amargo
50g de manteiga
500 g de morangos fatiados

Utensílios:
1 forma com fundo removível 20 cm diâmetro.
Processador de alimentos (ou 1 saco plástico e 1 colher de pau).

Modo de preparo:
Retire o recheio dos biscoitos e moa no processador até virar um farelo, (se você não tiver o processador, coloque os biscoitos em um saco plástico e bata com a colher de pau até esfarelar muito bem).
Misture a manteiga ao farelo e pressione essa mistura no fundo e laterais da forma até ficar toda unida, em seguida faça furos com um garfo na base da forma e leve à geladeira por 20 minutos.
Pique o chocolate em pedaços e leve ao microondas por 2 minutos até derreter.
Retire do micro e acrescente o creme de leite, a manteiga e misture bem até ficar uma mistura lisa e homogenia.
Retire a forma da geladeira e leve ao forno à 180ºC por 20 minutos.
Deixe esfriar e derrame a mistura de chocolate na torta assada, decore com morangos fatiados e leve a geladeira por mais 30 minutos.

torta-chocolate-2

Temperos

Temperos 5 Anos: Moqueca Baiana

Postado porTemperos de Cinema 31 de julho de 2017 0 Comentários

O Programa Temperos de Cinema completa 5 anos e para comemorar selecionamos 5 receitas já apresentadas, que formam o cardápio de uma verdadeira festa gastronômica e cinéfila.
Esta semana, postaremos uma receita por dia. E começamos com uma Moqueca Baiana, inspirada no filme “Dona Flor e Seus Dois Maridos”, de Bruno Barreto (1976). sobre a obra de Jorge Amado.
Este filme foi um dos maiores sucessos do cinema brasileiro e conta a história de uma romântica e recatada Flor, uma dona de casa vivida por Sônia Braga, que para garantir o sustento da casa dá aulas de culinária
A chef Sandra Romansini dá o passo a passo da receita e todos os segredos deste famoso prato típico da culinária brasileira e também o prato preferido do personagem Vadinho, o malandro marido de Dona Flor, vivido por José Wilker.

Receita da Moqueca Baiana

Ingredientes:

1 namorado de 2 kg cortado em postas, com pele, cabeça e rabo (limpo e sem escamas) ou 6 postas do peixe branco que preferir

50 ml de azeite de dendê

30 ml de azeite virgem

1 colher de coloral

1 cebola picadinha

1 pimentão verde

1 tomate maduro

3 dentes de alho

1 folha de louro

100 gramas de camarão

100 gramas de lulas

100 gramas de polvo pre cozido

1 pitada de pimenta baiana

Pimenta do reino a gosto.

2 xícaras (chá) de folhas de coentro

Caldo de 3 limões taiti

1 e ½ colher (sopa) de sal
Modo de preparo:

Tempere as postas de peixe e marine com sal, limão e pimenta do reino. Deixe descansar em geladeira por 1 hora.
Em uma frigideira ou panela baixa, aqueça o azeite o azeite de dendê e uma colher de cafe de coloral, junte o alho e a cebola e doure, coloque as postas de peixe e os frutos do mar. Coloque os tomates, o louro, e o leite de coco. Disponha os pimentões e salpique o coentro. Tempere com sal e pimenta do reino e pimenta baiana. Tampe e deixe cozinhar por 15 minutos e vá regando sempre com o molho. Virando o peixe ate que o molho fique suculento e os temperos se incorporem. Por cerca de 5 minutos.
Sirva quente com pimenta e arroz branco.

Dona-Flor

Receita da semanaTemperos

Salada de Papaia Verde

Postado porTemperos de Cinema 18 de abril de 2017 0 Comentários

O Cheiro de Papaia Verde, é um filme de 1993 do diretor Vietnamita Ann Hung Tran.
Esse é um filme delicado e feito para aguçar todos os sentidos, com uma fotografia e uma linguagem que quando você assiste tem a sensação que está sentindo o cheiro e o gosto de Papaia Verde, uma fruta muito comum na culinária do Vietnã.
Então aproveite para experimentar esta receita de Salada de Papaia Verde, com um toque especial da chef Sandra Romansini.

itazura dramas (12)

Ficha Técnica :
O Cheiro de Papaia Verde
Drama, 1993
Direção de Anh Hung Tran
Estrelado por Anh Hoa Nguyen, Hoa Hoi Vuong, Man San Lu, Thi Loc Truong, Tran Nu Yên-Khê
Produção Franco-Vietnamita
Fotografia: Benoît Delhomme
104 min. de duração

SALADA 2
Receita:
Yum som tham (salada Tailandesa de papaia verde)
Ingredientes:
2 mamões papaia bem verdes
1 dente de alho pequeno
1 pimenta dedo-de-moça pequena
2 colheres (sopa) de suco de limão
¼ de limão sem semente
1 colher (sopa) de açúcar mascavo
2 colheres (sopa) de nam pla*
1 colher (sopa) de camarão seco picado
1 colher (sopa) de amendoim torrado
folhas de coentro para decorar
alface crespa e tomate para a montagem

Modo de Preparo:
Descasque os mamões e rale-os no ralo grosso.
Coloque em um recipiente e reserve. Coloque em um pilão o dente de alho e a pimenta sem as sementes e o camarão seco, soque levemente, acrescente o açúcar mascavo e o suco de limão, continue socando e acrescente o ¼ de limão com a casca, coloque o nam pla.
Coloque este molho sobre o mamão ralado e misture bem, salpique com o amendoim torrado sem pele e sem sal. Decore com folhas de coentro e se desejar sirva a salada acompanhada de tomates cortados em 4 e folhas de alface.

* Nam pla é um fermentado à base de peixe utilizado na Tailândia, pode-se preparar um substituto misturando 1 xícara de água fervente com 1 colher (chá) de açúcar mascavo, 1 colher (sopa) de shoyu e 2 filés de anchovas bem lavados e picados. Misture bem e deixe descansar por 8 horas, coe em um filtro de papel e conserve em geladeira.