Tag

oscar 2020

Moviecomarte

Os Miseráveis, no Moviecom Arte

Postado porTemperos de Cinema 13 de fevereiro de 2020 0 Comentários

Do clássico de Victor Hugo, o estreante diretor Ladj Ly pegou o título, a ambientação nos suburbios de Paris, a desigualdade social, a miséria decorrente e o conflito na relação com o Estado, seja pela ação arbitrária da policia ou pela atitude dos revolucionários exigindo justiça.


Mas Os Miseráveis de Ly é um filme contemporâneo, mostrando os problemas sociais que a França enfrenta. O roteiro assinado por Ladj Ly, Alexis Manenti e Giordano Gederlini nos insere em uma caótica espiral, com uma história cheia de viravoltas e obstinada em apresentar temas variados.


Um dos grandes méritos do filme é modo como explora a complexidade étnica da França atual: negros, mestiços, árabes e brancos se combinam num registro que, pela própria seleção do elenco do filme, já denota uma urgência de pontos de vista conflitantes.
No centro da trama está um trio de policiais, um deles em seu primeiro dia de trabalho, transitando pelo suburbio e desencadeando uma série de acontecimentos que se transformam em uma iminente tragédia.
Dividindo com o brasileiro Bacurau o Prêmio do Juri no Festival de Cannes, Os Miseráveis traz a urgência da discução que a luta de classes ainda suscita em pleno século XXI e é um dos filmes que concorreram ao Oscar 2020 de Melhor Filme Internacional.


Você não pode perder! Os Miseráveis de Ladj Ly será exibido no Moviecom Arte nos dias 14 e 15 às 11 horas e no dia 17 de fevereiro às 14 horas.

Trailer:

Ficha Técnica
Título: Os miseráveis
Título Original: Les misérables
Direção: Ladj Ly
Roteiro: Alexis Manenti, Giordano Gederlini, Ladj Ly
Elenco: Abdelkader Hoggui, Al-Hassan Ly, Alexis Manenti, Almamy Kanouté, Damien Bonnard, Diego Lopez, Djibril Zonga, Issa Perica, Jaihson Lopez, Jeanne Balibar, Lucas Omiri, Luciano Lopez, Nizar Ben Fatma, Omar Soumare, Raymond Lopez, Rocco Lopez, Sana Joachaim, Steve Cauret, Steve Tientcheu, Zordon Cauret
Ano de produção: 2029
Gênero: Drama
Origem: França
Distribuidora: Diamond Filmes

Moviecomarte

Representando o Brasil no Oscar 2020

Postado porTemperos de Cinema 3 de janeiro de 2020 0 Comentários

Conhecido pelo cultuado e premiado filme “Madame Satã”, de 2002, o diretor e roteirista brasileiro Karim Aïnouz retoma a cena carioca da década de 1920 em “A Vida Invisível”, que fala de amor familiar, questões de gênero, opressão e resistência através do afeto.


Cotado para representar o Brasil no Oscar 2.020, “A Vida Invisível” é uma adaptação do livro A vida Invisível de Eurídice Gusmão, de Martha Batalha (Companhia das Letras).


Estrelado pelas atrizes Carol Duarte, Julia Stockler e Fernanda Montenegro, conta a trajetória e o amor de duas irmãs, Eurídice (vivida por Duarte, na juventude, e por Montenegro, na velhice) e Guida Gusmão (Stockler), filhas de uma família imigrante portuguesa patriarcal e conservadora que se separam depois que Guida foge para viver um amor (frustrado), retorna grávida para casa e é expulsa pelo pai.


A partir desse trauma, ambas passarão a vida se buscando, sempre tão longe e tão perto. Enquanto Guida se reconstrói como mãe solo e pobre, operária, que encontra apoio e afeto na amiga Filomena (vivida por Bárbara Santos), Eurídice tenta conciliar o sonho de ser uma grande pianista com a vida de uma mulher casada dos anos 1950.


Em “A Vida Invisível”, o lugar social e tradicional da família é posto em xeque a todo momento. Se, por um lado, está o amor incondicional entre duas irmãs, por outro está a rejeição paterna, as relações de poder e força física e a imposição de vontades. Isso fica claro, por exemplo, nas cenas de sexo da obra, que são sempre incômodas, por vezes cômicas, mas que também denunciam abusos.


Estruturalmente denso e cromaticamente arrojado, este filme já rendeu ao diretor o importante prêmio Um Certo Olhar, no Festival de Cannes 2019. E você poderá vê-lo nos dias 04 e 05 de Janeiro, às 11 horas, no Moviecom Arte.

Ficha Técnica
Título Original: A Vida Invisível
Ano de Produção: 2019
Gênero: Drama Romance
Duração: 139 min
Estreia no Brasil: 31 de Outubro de 2019
Classificação indicativa
País de Origem: Brasil
Direção: Karim Aïnouz
Roteirp: Murilo HauserInés Bortagaray e Karim Aïnouz
Elenco: Fernanda MontenegroCarol DuarteJulia StocklerGregório DuvivierMaria ManoellaCristina PereiraFlavio BauraquiAntónio FonsecaMarcio VitoGillray Coutinho
Distribuição: Sony, Pola Pandora, Vitrine, RT Features